Nota do reitor – Ciência brasileira perde o Prof. Manuel Mateus Ventura

11 de janeiro de 2019

A morte do Prof. Manuel Mateus Ventura, a 31 de dezembro de 2018, recobriu de luto a comunidade científica brasileira. Aos 97 anos de idade, o mestre cearense inscreveu seu nome na história de nossa Universidade, tendo, igualmente, prestado relevantes serviços à Universidade de Brasília (UnB).

Mateus Ventura formou-se em Agronomia, em 1943, na UFC, onde passou a atuar como professor de Química Orgânica no mesmo curso. Mais tarde, na condição de professor titular, estimulou, nas novas gerações, o interesse pela pesquisa voltada para a Biologia. Em 1958, teve papel importante na criação do Instituto de Química e Tecnologia, do qual, por muito tempo, seria Diretor.

Convidado, em 1970, pela UnB, ali implantou o Laboratório de Biofísica, tendo desempenhado papel importante na criação do primeiro curso de Biologia Molecular no Brasil.

Seu compromisso com a ciência, sua liderança acadêmica, suas excepcionais qualidades como pesquisador e como professor, essa é a herança de Mateus Ventura, uma personalidade a quem, durante décadas, devotamos justificada admiração e que, para sempre, será merecedor de nossa respeitosa reverência.

Prof. Henry de Holanda Campos
Reitor da Universidade Federal do Ceará